Há um só Deus nas igrejas?

Por Josué

Parece que a resposta obviamente seria “sim”, há um só Deus que cuida das igrejas. No entanto, quando vemos o que fazem as igrejas e seus sacerdotes, não dá para se ter tanta certeza. Muitas são as práticas e conceitos dispersos entre os cristãos, frequentemente conflitantes entre si, e mesmo contraditórios à própria Escritura. Os crentes pouco ou nada sabem dos Escritos Sagrados, por isso, como antigamente, eles vêm sendo enganados por falsos profetas, que levam o rebanho para a beira do abismo.

Na abertura do Apocalipse vemos o Eterno Deus repreendendo duramente as igrejas. Como não existiam as igrejas dos nossos dias, as admoestações foram dirigidas às comunidades da Ásia, atual Turquia. Interessante ressaltar que a palavra do Eterno não é dirigida aos crentes, mas ao espírito das igrejas. Não precisa ser gênio para perceber que as cartas falam de espíritos que sustentam as igrejas. Se isso for verdade, e tudo indica que sim, estariam esses espíritos ainda alimentando a multidão de igrejas e sinagogas, que na atualidade anunciam a Palavra de Deus? Tudo indica que sim!

A mensagem do Apocalipse às igrejas não foi somente para as que existiam nos tempos de João, autor da profecia. Elas continuam válidas para os nossos dias. Detalhe: O Eterno aprova somente uma das igrejas, quanto à sua conduta. As demais, são severamente admoestadas, sendo escancarados os seus pecados. Assim, o que fala como Deus nas igrejas, não é o Deus Altíssimo, mas o espírito que as alimenta.

Então, onde estaria o verdadeiro Deus? Com certeza, está bem acima das concepções religiosas. O Eterno não habita em templos feitos por homens. Esses lugares estão cheios de espíritos de toda natureza. São eles, espíritos de poder, de vaidade, de exclusivismo, de riqueza, de prosperidade, de fanatismo, de fantasia, de adivinhação, de línguas, e tantas outras práticas que nasceram do coração dos homens. Cabe aos crentes aprenderem a discernir o que é de Deus e o que é do mundo.

É preciso que deixemos de lado o espírito das igrejas, para conhecermos o Eterno Deus de Israel, cujos ensinamentos apontam para a eternidade da vida e para o grandioso plano de estabelecer no mundo o Reino que não passará. No mundo novo não haverá igrejas ou sinagogas, porque a terra será um templo do Senhor e seus ensinamentos serão ministrados nas escolas e nos lares. Não haverá mais sacerdotes para intermediar a relação com o Eterno, pois, ela será natural em todos os viventes. Somos deuses vivendo na Criação e se somos divinos, sobre nós a morte e o inferno não têm mais poder. Louvado seja o Deus de Israel, o verdadeiro e Eterno Deus a quem precisamos conhecer para vivermos eternamente.


 

PARTICIPE do Projeto Despertai!

Comente nossas publicações!

_______________

Precisa de ajuda?

FALE CONOSCO